Revolucione setores que já andam bem das pernas  

img categoria 12

Outra grande tendência de inovação é trazer novas tecnologias para os setores mais tradicionais do país, que já apresentam bons resultados há anos – mas poderiam melhorar.

É o caso do agronegócio, por exemplo. “É um setor que, durante toda a crise econômica, segurou as pontas do Brasil. Mesmo assim, ele cada vez mais se digitaliza e emprega inovações na gestão e no próprio processo do campo. Esperamos que isso fique cada vez mais forte”, analisa Menezes, do Sebrae.

Leite ressalta que tais empreendimentos são conhecidos como agritechs ou agtechs. “A Bart Digital, por exemplo, usa blockchain em seus serviços para trazer maior eficiência agrícola.”

Também é o caso do setor de varejo. “A UpPoints, por exemplo, tem uma tecnologia de reconhecimento do produto na gôndola, monitorando a interação do consumidor com cada item. Parte da empresa foi adquirida pela Embraco, fabricante do grupo Whirlpool”, completa o CEO da Startup Farm.

Fonte: Revista Exame

 

Página 2 de 9